Top

Sabe o que fazer em Veneza?

Sabe o que fazer em Veneza? O lugar dos Apaixonados…


Sabe o que fazer em Veneza? Apaixonar-se ainda mais!

Sabemos, queridos. Sabemos. Além de você poder passar sua lua de mel ou celebrar um super aniversário de namoro ou casamento, ainda pode ir sem motivo festivo algum, pois Veneza, meu amigo, é a própria festa da beleza! Presta atenção: você acorda, Itália, Veneza: partiu celebrar a vida!



Os antigos dizem que amor que nasce em Veneza, ou por lá passa, nunca acaba. Vai deixar esta oportunidade única passar? Acho arriscado deixar passar. Sobretudo se você mergulhar também nas especiarias locais que, cá para nós, são um dos maiores charmes da Itália: vinhos, massas, queijos, romance… Este é um dos melhores lugares para lua de mel do mundo!

[mc4wp_form id=”816″]
Coloque agora para tocar “Quando m’en vo”, do compositor italiano Giacomo Puccini, aí, agora! Pronto?
É com esta inspiração que começamos nossa caminhada pelo lugar que é um dos destinos para lua de mel mais procurado no mundo. Um dos lugares para passar lua de mel mais procurado em pacotes de lua de mel. Certamente, os mais lindos e perfeitos! Esquece o mau humor e imagens feias, pois o que você vai encontrar aqui, amigo, é beleza! É isso mesmo, Veneza pode ser tão perfeita? Pode. E é.



Se você sonha com uma lua de mel inesquecível, com belas paisagens, romantismo, arte, cultura e uma culinária tão apaixonante quanto ao próprio local, não pense duas vezes. E não estranhe se em algum momento você se sentir dentro de uma tela de cinema… Veneza é cinematográfica! Nunca mais suas recordações serão as mesmas!

[mc4wp_form id=”816″]
Pois bem, você está na Itália. Em Veneza. Do nada lembra que em algum momento vai voltar para o Brasil e bate aquela preocupação: será que terei que voltar nadando pelo oceano? Será que, por estar em um dos lugares mais lindos do mundo, terei que deixar todo o meu suado dinheirinho?
Amigo, presta atenção. Neste post eu quero te apresentar um jeito barato de conhecer Veneza, mas sem perder o bom gosto. Lógico que não precisa arrebentar seu orçamento e gastar um horror. Alguns detalhes fazem toda a diferença quando você for comprar suas passagens aéreas, fechar a hospedagem e alugar um carro.



Nosso passeio de Gôndola pelos canais de Veneza.

Se você está procurando fazer aquela viagem de férias ou a sua lua de mel dos sonho e ainda não Sabe o que fazer em Veneza, então, vamos nessa:

Vamos começar com a nossa primeira dica: voos para Veneza.

[mc4wp_form id=”816″]

Quando eu e minha esposa chegamos a Veneza, encontramos um perfil um pouco diferente de chegada. Estamos acostumados a iniciar viagem em algum lugar encontrando logo de cara um táxi no aeroporto. Já te adianto que lá não é assim. Sabe-se lá o motivo, tivemos a sorte de ter um táxi no aeroporto, mas somente no horário que chegamos, por volta da 1 da manhã. Foi ruim, amigo. Sim, foi. Ainda vamos falar mais sobre isso, mas se lembre de que táxi na chegada a Veneza, não

“Veneza, o lugar dos sonhos.”

Minha esposa e eu decidimos fazer uma viagem para que pudéssemos curtir aquele clima de romance e namorar muito. Nosso ponto de partida foi o Rio de Janeiro. Pegamos o voo de 14 horas do Galeão para Lisboa (Portugal), que, aliás, anota aí, é uma ótima forma de conhecer Portugal. Fazer um voo com uma escala de 7 horas em Lisboa: sim!
De lá, pegamos um voo doméstico de 3 horas para Veneza, chegando 1 hora da madrugada. Tivemos um pouco de dificuldade para conseguir um táxi tanto pela pouca quantidade de carros normalmente oferecidos, como pela localização deles não ser de tão fácil visualização. Quando conseguimos um taxista, percebemos que os preços das corridas que iniciam no aeroporto são fixos e bastante caros! Pagamos 50 euros (cin-quen-ta eu-ros!!) para percorrer do aeroporto Marco Polo para o nosso hotel, que fica numa distância de aproximadamente 10 Km.

Quando, com antecedência, fizemos o planejamento da viagem, tivemos cotação de vários hotéis em Veneza, mas nos surpreendemos com os preços absurdamente caros e, quando encontramos valores mais baratos, eram hotéis velhos, com banheiro compartilhado, distantes demais dos pontos turísticos ou sem café da manhã. De boas, atravessar o Atlântico e ainda compartilhar banheiro com outras pessoas, nem em pensamento!

[mc4wp_form id=”816″]
E foi pesquisando com antecedência que descobrimos uma forma incrível e extremamente mais barata de ir para Veneza.
Aqui fica nossa segunda dica: não se hospedar dentro de Veneza vai fazer você economizar MUITO e ter muito mais qualidade em sua hospedagem. Os hotéis são mais novos e com café da manhã. Vou te dizer que isso nos fez economizar bastante. E não estar dentro de Veneza não significa estar milhas e milhas de distância! Nosso hotel divo ficava a 15 minutos do centro de Veneza, colega! De nada.

Sabe o que fazer em Veneza? Continue lendo!

Pesquisamos algumas indicações sobre o bairro de Mestre, que fica próximo de Veneza, e que possui preços bem mais interessantes. Após várias pesquisas, decidimos, então, pela hospedagem por lá mesmo, em Mestre. Nossa escolha foi top das galáxias, o hotel é bastante confortável, com estilo clássico, café da manhã variado (coisa italiana de comer, brother!) e, além de tudo, conseguimos economizar MUITO com a hospedagem.

Como meio de transporte de Mestre para Veneza, nossa primeira opção era utilizar o trem, porque Mestre seria só para hospedagem, mas já na Itália encontramos uma alternativa bem mais prática, que é o “People Mover”. What? A passagem custa em média 2,75 euros e o tempo de viagem da estação de Mestre, que fica a um quarteirão do nosso hotel, até Veneza, é de 15 minutos.

Veja logo abaixo. Nós escolhemos um hotel bem pertinho desta estação. Andávamos cerca de 3 minutos até lá e chegávamos em 15 ao centro de Veneza!

Eis aqui a nossa terceira dica: irmão, sorria, você está em Veneza. Sabe Veneza, aquele lugar no nordeste da Itália que fica sobre um grupo de apenas 117 pequenas ilhas, e que são separadas por canais e ligadas por pontes? Pois bem, amados, dados estes fatos, não aluguem carro em Veneza!! Você terá que usar outras alternativas para se locomover. A primeira coisa é saber que carros não circulam em Veneza (what?!) Tudo o que você precisa é de um bom calçado para… caminhar. E caminhar muito… Para lugares onde não dá para ir caminhando, você usará o “People Mover”, blz?

Quando chegamos ao centro de Veneza, foi inacreditável. Estava difícil de acreditar na beleza que nossos olhos encontraram ali. Era uma sensação de estar em uma cidade cenográfica, num quadro de Ticiano, num filme ou qualquer coisa incrível, totalmente fora da realidade. Veneza não é Veneza a toa, nós comprovamos isso.

[mc4wp_form id=”816″]

“Veneza é um dos melhores lugares para lua de mel no mundo!”

Um dos primeiros pontos turísticos que conhecemos foi a Praça São Marcos onde fica a Basílica de mesmo nome, que é parada obrigatória.

Passamos pela ponte dos Suspiros e, mesmo sendo difícil conseguir um espacinho para um clique rápido, fizemos uma foto. Aliás, não economize nos cliques em Veneza! Aproveite para registrar ao máximo a beleza daquele lugar!

Ponte dos Suspiros, Veneza.

@saulo.azev

As as ruas estreitas de Veneza interligadas por pontes e muitas escadas são fascinantes e, quando a noite cai, elas guardam um mistério que instiga nossos pensamentos.

Você já deve ter ouvido que ir à Veneza e não andar de gôndola é como se não tivesse ido até lá. Pode parecer exagero, mas, depois da nossa experiência, posso dizer com certeza, que é verdade. Brother, aquilo é um sonho! O valor do passeio com qualquer gondoleiro é o mesmo, então não precisa pesquisar valores antes de fechar. Na época, o nosso custou 80 euros.

[mc4wp_form id=”816″]

Momento delícia: parada para o verdadeiro café italiano e, depois, o sorvete dos sonhos!

Algo praticamente obrigatório para caminhar por Veneza é um mapa. Mas não se esqueça de que estamos na era da tecnologia. Muitos aconselham a comprar um mapa por lá. Nós compramos, mas não usamos (dãã!). Claro! Nosso celular triangula o sinal das antenas e te localiza dentro de Veneza. Assim foi mole. Rodamos tudo sem precisar do mapa, somente usando o googlemaps.

Lugares que todos precisam conhecer em Veneza, vejam:

Grande Canal com vista para a Praça de São Marcos

É impressionante como, em Veneza, há beleza em qualquer lugar para onde olhamos!

Basílica de Santa Maria Della Salute:

A volta. Isso, sim, é algo triste sobre Veneza: ir embora. O lugar é um sonho em todos os aspectos, simplesmente incrível. Eu e minha esposa vivemos momentos que queremos reviver muito em breve. Nossa trip durou 6 dias e, quem puder, dê uma esticada em Verona (Ah, Romeu e Julieta…), que fica a 120 km. Não fomos dessa vez, mas certamente iremos na próxima!
Aqui fica mais uma dica. Sobre a volta: nosso voo era às 7 horas da manhã. Como precisamos estar no aeroporto com 2 horas de antecedência, nós precisávamos estar lá às 5 da manhã. Lembra que falamos sobre não haver muita oferta de táxis, sobretudo dependendo da hora? Então, foi exatamente o que aconteceu. Para não sofrer esperando que um taxista passasse por ali de madrugada, nós fizemos uma reserva antecipada pelo hotel. Pagamos 55 euros. Caro. Caaaaaro. Mas já aprendemos.

[mc4wp_form id=”816″]

Nada atrapalhou nossa viagem incrível!

Veneza é um dos melhores lugares para lua de mel! Uma das cidades mais apaixonantes do mundo!
Outra dica: dá uma olhada na nossa tabela de custos da viagem a Veneza: